Faço as Palavras Cruzadas do... (pode escolher múltiplas respostas):

2.5.10

Provérbios: Mãe

A acha sai à racha e a Maria à sua mãe.
A diligência é a mãe da boa ventura.
A experiência é a mãe da ciência e a mestra da vida.
A mãe é uma libra e a filha meia.
A quem bem me mantém chamo pai e mãe.
Amor grande, amor de mãe.
Antes a criança chore que a mãe suspire.
Azáfama, padeiras, que a minha mãe quer um pão.
Dai-me mãe acautelada, dar-vos-ei filha honrada.
De boa cepa a vinha, de boa mãe a filha.
Filho sem dor, mãe sem amor.
Mãe aguçosa, filha preguiçosa.
Mãe e filha vestem uma camisa.
Mãe que filho adora, quer uma boa nora.
Mãe que gaba a filha, casadinha a quer.
Mãe velha e camisa rota não desonram.
Mais quer o menino à mãe que o amima do que ao pai que o doutrina.
Minha mãe, que coisa é casar? Filha, é sofrer, parir, chorar.
Não há onde o filho fique bem como no colo da mãe.
Nenhum filho é inocente quando sua mãe o crê culpado.
Quem em casa da mãe não atura, na da madrasta não espera ventura.
Se a mãe soubesse quando o filho endentece, não havia nada que lhe não fizesse.
Se o menino chorar, cale-o a mãe e se o não quiser calar, deixe-o chorar.
Se queres casar na vila, pergunta pela mãe e não pela filha.

Fontes: Diciopédia e Provérbios Portugueses, de António Moreira.

Link relacionado:
Palavras Cruzadas com a colaboração de Mãe (a minha)

1 comentário:

  1. Aqui vão mais alguns:
    - Mãe e filhos, por dar e tomar são amigos.
    - Mãe não temeste, pai não tiveste, diabo te fizeste.
    - Mãe, que (coisa) é casar? Filha, (é) fiar, parir e chorar.
    - Mãe acautelada, filha bem guardada.
    - Mãe, casai-me logo que se me enrruga o rosto.
    - Mãe preguiçosa faz a filha opiniosa.

    ResponderEliminar

Pesquisa personalizada

Para mecenas