Palavras Cruzadas em papel ou digital?

24.12.13

Venham mais cem

No passado sábado "comemorou-se" o Centenário das Palavras Cruzadas... sim, houve quem comemorasse:

Gola (linda) feita pela filhota (linda do papá)

Foi um dia muito aguardado. A semana que o antecedeu foi diferente: muito trabalho misturado com entrevistas sobre isto de ser «autor de Palavras Cruzadas»... uma espécie de ET que passa a vida a consultar dicionários e a cruzar palavras, ainda por cima, um romântico, que diz: "é mais que paixão, é amor"... ET, mesmo.
TSF, Expresso, Jornal de Notícias (JN), Diário de Notícias (DN) e Lusa lembraram-se da efeméride. Calhou as Palavras Cruzadas do Público desse dia terem como base o título de um livro... não resisti... já divulguei tantos livros que se não colocasse o meu próprio livro (Palavras Cruzadas com Literatura) mereceria o prémio de "Totó do Ano".

Paulo Freixinho

No Expresso saiu a foto de Palavras Cruzadas feitas no momento, sob a "pressão" de ter uma máquina fotográfica apontada... resultado, só depois vi a "borrada" que tinha feito e foi publicada uma imagem de uma grelha que não tinha sido revista. Provavelmente ninguém iria reparar mas eu reparei pelo que deixo aqui a foto com as devidas emendas:

Paulo Freixinho

Ou seja, foi um dia (muito) especial. Recebi alguns mimos através da Rede Facebook. Acho que afinal valeu (vale) a pena tanta dedicação... as Palavras Cruzadas estiveram em destaque.
Cem anos é uma idade muito respeitosa, até mesmo para um jogo de palavras. Mas este passatempo (que eu adoro) está bem e recomenda-se... ideias não me faltam... venham mais cem anos!

Amplexos e ósculos!...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Pesquisa personalizada

Para mecenas