Faço as Palavras Cruzadas do... (pode escolher múltiplas respostas):

14.1.10

Palavras Cruzadas em Branco - Problema n.º 6

Paulo Freixinho"Desde muito cedo que o seu passatempo preferido são as palavras cruzadas."

É assim que começa uma das «estórias» do livro editado pela Casa das Letras, uma marca da Oficina do Livro, Pezinhos de Coentrada, de Alice Vieira, uma fã das Palavras Cruzadas.

Na «estória» Novos Saberes a escritora destaca algumas das palavras mais frequentes nas Palavras Cruzadas:

"Houve tempo em que chegou a pensar que muitas daquelas palavras nem existiam. Ou existiam só para aquele fim, qualquer coisa cabalística para meia dúzia de eleitos. Até ao dia em que, ao lado do marido numa viagem pela Suíça, alguém lhe apontou um rio dizendo «É o rio Aar», e ela desatou a rir que foi uma vergonha, o marido sem perceber nada, claro, porque o marido não entendia nada de palavras cruzadas, senão saberia que «Aar» é sempre o «rio da Suíça» que nelas se pede, tenha a Suíça quantos rios tiver."

O Aar (o tal rio suíço) e outras palavras destacadas na «estória» (Aal, Aas, aru, asaprol, cor, ló, Pr, Sá, Tás e uta) serviram de base para o seguinte passatempo, umas Palavras Cruzadas em Branco (as preferidas de Alice Vieira).
De salientar que aproveitei as designações para as respe(c)tivas palavras utilizadas pela autora (em itálico).

Clique na imagem para ampliar e imprimir:

Passatempo para imprimir. Paulo FreixinhoAjuda:
Na zona dos comentários encontram-se as 51 palavras que completam a grelha, ordenadas alfabeticamente.

Amplexos e ósculos!

3 comentários:

  1. AAL
    AAR
    AAS
    ABAS
    AD
    ALICE
    AMPLO
    APO
    APRE
    ARDÓSIA
    ARO
    ARU
    ASAPROL
    ASSIM
    ASSOU
    ATRIL
    CAL
    CERAR
    COR
    CUIDAR
    DUAL
    EL
    ERA
    EU
    IATE
    ID
    IRA
    LI
    LIDE

    LUAR
    MS
    OIL
    ORA
    OU
    PC
    PR
    RAM
    RIO
    ROR

    SAIA
    SALA
    SELA
    SIROCO
    SPA
    SURRO
    TARA
    TÁS
    TE
    UTA

    ResponderEliminar
  2. Dos "posts" mais" deliciosos dos últimos tempos no palavras Cruzadas... Não só pelas brancas em sí (a mim começam já a aparecer muitas no cabelo) mas pela magia da transcrição no desenvolvimento temático! Excelente!!!

    ResponderEliminar
  3. Olá Eduardo,

    Magia... deves imaginar a minha satisfação quando li esta «estória» da escritora Alice Vieira... muito dignificante para as Palavras Cruzadas...

    Obrigado pela simpatia do comentário.

    PF

    ResponderEliminar

Pesquisa personalizada

Para mecenas